Boko Haram destruiu mais de 1.000 escolas este ano, afirma ONU

As escolas estavam localizadas em Camarões, Chade, Níger e Nigéria, os quatro países mais afetados pelos ataques do grupo que foi colocado pela ONU em sua lista negra de organizações terroristas, indicou o responsável, durante uma coletiva de imprensa.

Esta não é a primeira vez que o grupo é acusado de atacar escolas e universidades. Ler matéria completa