UEM adota renda familiar como critério de desempate para o vestibular

A Universidade Estadual de Maringá (UEM), no norte do Paraná, adotou a renda familiar como  critério de desempate para o próximo Vestibular de Inverno, que começa no domingo (17) e segue até a terça-feira (19).

A nova regra prevê que, no caso de empate entre dois ou mais candidatos a um mesmo curso, turno e campus, a vaga será destinada à pessoa que tiver comprovado renda familiar inferior a dez salários mínimos ou menor renda, no caso de nova igualdade. Ler matéria completa