Na Ciência e Tecnologia, Mercadante defendeu capacitação de estudantes

Escolhido nesta quarta-feira (18) para ocupar o Ministério da Educação, Alozio Mercadante, atual ministro de Ciência e Tecnologia, defendeu, no primeiro ano de governo da presidente Dilma Rousseff, a capacitação no exterior de estudantes brasileiros e a abertura de vagas em concursos públicos para profissionais estrangeiros. Ele será substituído no ministério pelo atual presidente da Agência Espacial Brasileira, Marco Antonio Raupp.

Considerado pelo Planalto um ministro "dedicado", Mercadante lançou em julho de 2011 o programa Ciência sem Fronteiras, que prevê a concessão de 100 mil bolsas de estudos nas principais universidades do exterior para estudantes, desde o nível médio ao pós-doutorado. Ler matéria completa