Justiça manda Ufes acionar a PM em caso de festas na universidade

Uma decisão da Justiça determina que Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) ordene expressamente aos seguranças e vigilantes por ela contratados que, na ocorrência de festas ou eventos não autorizados pela Ufes e realizados nas dependências da instituição, acionem imediatamente a Polícia Militar.

A determinação, que foi proferida nesta segunda-feira (30), acata parte da ação civil pública movida pelo Ministério Público do Espírito Santo (MP-ES). Ler matéria completa