Candidata diz que foi assaltada e ficou de fora do Enem em Vitória

A candidata Marli Penha de Oliveira, de 53 anos, não conseguiu entrar para fazer a prova. Ela contou que foi assaltada nesta sexta-feira (25) e levaram sua bolsa com o cartão de inscrição do Enem.

Marli chegou até a porta da faculdade Faesa, localizada na Avenida Vitória, na capital, cerca de 13h05 e foi impedida pelo coordenador e policiais militares que estavam na entrada. "Na mesma avenida tem três pontos da mesma rede de faculdades e eu só sabia que faria a prova em um deles. Estava em outra Faesa quando me falaram que estava no lugar errado. Quando fui tentar entrar no outro já não dava mais tempo", disse. Ler matéria completa