Alckmin suspende reorganização em 2016 e promete diálogo nas escolas

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), disse que irá dialogar com pais e alunos no ano que vem a respeito da reorganização da rede de ensino estadual. Nesta sexta-feira (4), o tucano decidiu suspender a reestruturação que previa o fechamento de mais de 90 escolas e a afetaria cerca de 300 mil alunos. Ele acrescentou que os estudantes permanecerão em suas unidades em 2016.

"Entendemos que devemos aprofundar o diálogo. Isso fecha um ciclo que permite a gente ajudar no ensino infantil. Vamos dialogar escola por escola", disse o governador. Após o anuncio da decisão, o secretário estadual de Educação, Herman Voorwald, pediu para deixar o cargo. Ler matéria completa