Vazamento de petróleo contamina águas no litoral do Equador

Em nota, a Petroecuador disse que as ações adotadas pela empresa "permitiram controlar o derramamento de cru leve a tempo e evitar maiores danos ao entorno". Não foi divulgado, porém, o volume de petróleo vazado para o mar.

O derramamento aconteceu pela ruptura de uma mangueira submarina durante uma operação que abastecia um navio-tanque com petróleo. A embarcação tinha como destino uma refinaria na localidade costeira de La Libertad, no sudoeste do país. Ler matéria completa