Terrível parasita encontrado no Mediterrâneo come a língua dos peixes e em seguida vive em suas bocas

Um horrível parasita está comendo a língua de milhares de peixes e, em seguida, vive na boca de suas vítimas, como se substituíssem a parte do corpo arrancado por ele.

O parasita está se espalhando rapidamente pelo Mediterrâneo. Em áreas onde a espécie Ceratothoa italica (parasita)  foi encontrado, cerca de 50% dos peixes na área estavam com o parasita na boca. O animal consegue nadar entre as brânquias de peixes jovens, ocupando em seguida o local onde antes era a língua, comendo-a e se alimentando continuamente de sangue, crescendo rapidamente.

 Embora os biólogos afirmem que o parasita não represente nenhum risco concreto para os seres humanos, sua ação reduz drasticamente a expectativa de vida nos peixes. Os cientistas descobriram que o parasita proliferou em áreas de sobrepesca. Em uma área protegida na Espanha, 30% dos peixes tinham suas línguas substituídas pelo parasita. Em águas italianas o percentual é muito maior, cerca de 47%.

Dr. Stefano Mariani da Universidade de Salford, disse: “Esta é a mais nova prova de que a exploração sobre-humana nas populações de peixes tem efeitos adversos de longo alcance. Áreas com regulação deficiente têm peixes menores, mais jovens, tornando-os vulneráveis a ação de parasitas como este”.

Muitos cientistas comentam que o parasita os fazem lembrar filmes de “aliens”, onde um animal bizarro consegue se adaptar perfeitamente dentro de um hospedeiro. Aparentemente, o excesso de pesca perturba o equilíbrio e torna parasitas especializados grandes predadores, interferindo em toda a cadeia do ecossistema.

O estudo foi publicado no Journal Biological da Linnean Society. O parasita é um tipo de isópode (semelhante aos crustáceos).

Fonte: http://www.jornalciencia.com/meio-ambiente/animais/1520-terrivel-parasita-encontrado-no-mediterraneo-come-a-lingua-dos-peixes-e-em-seguida-vive-em-suas-bocas

Deixe uma resposta